“Um mês depois de dez pessoas serem executadas numa ação policial na fazenda Santa Lúcia, em Pau D´Arco, no sul do Pará, parentes das vítimas seguem sem explicações concretas do poder público e sem a punição dos responsáveis. Neste sábado, para não deixar o massacre cair no esquecimento, eles preparam protesto em Redenção, principal cidade do sul do Estado”.

Leia notícia completa em O Globo

Anúncios